Notícias
11 de Março de 2019
Interagindo com a Almagis entrevista a juíza Carolina Valões nesta segunda-feira (11)

Ainda em alusão ao Dia da Mulher, a magistrada falará sobre as conquistas das mulheres e os trabalhos da Justiça Restaurativa no Juizado da Mulher

Interagindo com a Almagis entrevista a juíza Carolina Valões nesta segunda-feira (11) (Foto: Esmal)
(Foto: Esmal)

O Interagindo com a Almagis desta segunda- feira (11), bate um papo com a juíza Carolina Sampaio Valões da Rocha, titular da 4ª Vara de Palmeira dos Índios e coordenadora da Justiça Restaurativa em Alagoas. A magistrada falará sobre as conquistas das mulheres ao longo dos anos e sobre os trabalhos da Justiça Restaurativa no Juizado da Mulher.

O modelo de Justiça Restaurativa foi implantado no Tribunal de Justiça de Alagoas, em março de 2018, no 4º Juizado da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Capital. Utilizando a dinâmica dos Círculos da Paz, dois facilitadores, focados nas necessidades da vítima, buscam a resolução do conflito para além da aplicação da pena, o que contempla apenas a resolução processual.

“Dessa forma, a vítima passa a ser tratada como protagonista. Suas necessidades médicas, nutricionais, psicológicas, de trabalho, de renda, são ouvidas e encaminhadas para uma rede de apoio que acredita na Justiça Restaurativa e age com empatia em atendimentos bastante individualizados. Após todo esse trabalho, conseguimos empoderar a vítima, promover a responsabilização do agressor pelo ato praticado e mostrar a ambos que há caminhos para que eles sigam em paz, juntos ou separados”, explica a juíza Carolina Valões.

O quadro da Interagindo com a Almagis faz parte do programa Ministério do Povo, da Rádio Gazeta AM, com apresentação de Rogério Costa. Para acompanhar a entrevista, basta sintonizar na basta sintonizar 1260 khz ou acessar o site www.gazetaweb.com.

Autor: Ascom Almagis, com informações da Esmal
  • Banner
  • Banner
Nossos Parceiros